ESPECIALISTA ALERTA:

adolescentes acima do peso podem apresentar risco cardíaco

Uma pesquisa da Universidade Estadual Paulista (Unesp) em Presidente Prudente e Marília, cidades do interior de São Paulo

07/06/2019 15h39
Por: Redação
Fonte: Assessoria de Comunicação
Foto: Divulgação /Imprensa
Foto: Divulgação /Imprensa

Uma pesquisa da Universidade Estadual Paulista (Unesp) em Presidente Prudente e Marília, cidades do interior de São Paulo, mostra que adolescentes com sobrepeso apresentam o mesmo risco de doenças cardiovasculares que pessoas obesas. O estudo, apoiado pela Fundação de Amparo à Pesquisa do estado de São Paulo (Fapesp), foi desenvolvido com 40 adolescentes com idades entre 10 e 17 anos e comparou resultados de testes cardíacos entre grupos de obesos e com excesso de peso. Os resultados foram publicados na revista científica Cardiology in the Young. Adolescentes obesos têm alto risco de desenvolver uma doença cardiovascular como hipertensão; aumento nos triglicérides e no colesterol HDL no sangue; desenvolver diabetes, AVC, infarto. Mas quando comparando essas variáveis fisiológicas entre o grupo obeso e com sobrepeso a resposta deles foi idêntica. Até então o sobrepeso na adolescência não era considerado um fator de risco tão importante. Segundo a pesquisa, os resultados chamam atenção para a necessidade de cuidados desde o ganho de peso inicial dos adolescentes. “Quando os pais começam a perceber que o filho já está começando a ter sobrepeso, é importante levá-lo ao cardiologista, nutricionista, endocrinologista e estimular a prática esportiva”, explica o coordenador técnico e educador físico Igor Castro, da rede Alpha Fitness. Adotar hábitos mais saudáveis e manter uma vida ativa pode ser fator fundamental para evitar problemas futuros.

 

* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou com palavras ofensivas.