Quinta, 25 de Julho de 2024
24°

Tempo nublado

Salvador, BA

Cultura #Viva Salvador:

Circuito Letras Pretinhas leva arte e literatura infantojuvenil para o Subúrbio

Identidade e representatividade – A circulação vai abranger cinco bairros do Subúrbio: Itacaranha, Periperi, Plataforma, Vista Alegre e Coutos. E o encerramento do projeto contará com uma apresentação do espetáculo “Sarauzinho da Calu”, no Subúrbio 360, gratuito e aberto para toda a comunidade local.

14/05/2024 às 02h45
Por: Miquel Souzza Fonte: Assessoria de Comunicação.
Compartilhe:
Reprodução / Imprensa. - Anderson Moreira/Divulgação
Reprodução / Imprensa. - Anderson Moreira/Divulgação
Contemplado com o edital Territórios Criativos da Fundação Gregório de Mattos (FGM), o Circuito Letras Pretinhas vai levar literatura, teatro e música para o Subúrbio de Salvador a partir da próxima segunda-feira (13) até o dia 30 de maio. A iniciativa é do projeto Calu Brincante (@calubrincante), que conta com a coordenação artística da atriz, escritora e diretora Cássia Valle.
O projeto promove uma imersão na poética da literatura preta infantojuvenil, tomando como base três livros de autoria de Cássia Valle: “Calu, uma menina cheia de histórias”, vencedor do prêmio APCA como melhor livro infantil em 2017; “Aziza, a preciosa contadora de sonhos”; e “Felipa, Maria Felipa”. A partir dessas narrativas, haverá contações de histórias, leitura dramática, apresentações teatrais e oficinas de escrita criativa e musicalização, sempre integrando os jovens. As atividades contam com recursos de acessibilidade em Libras e audiodescrição.
O Circuito Letras Pretinhas: A Imersão Literária Preta Infanto-juvenil foi contemplado pelo edital Territórios Criativos, com recursos financeiros da FGM, Secretaria Municipal de Cultura e Turismo (Secult), Prefeitura de Salvador e da Lei Paulo Gustavo, Ministério da Cultura, Governo Federal. O projeto conta com a participação das produtoras executivas Lucila Laura e Clésia Nogueira, e do diretor musical da Calu Brincante, Cell Dantas.
Identidade e representatividade – A circulação vai abranger cinco bairros do Subúrbio: Itacaranha, Periperi, Plataforma, Vista Alegre e Coutos. E o encerramento do projeto contará com uma apresentação do espetáculo “Sarauzinho da Calu”, no Subúrbio 360, gratuito e aberto para toda a comunidade local.
“Eu fico muito feliz. Há muito tempo eu já queria fazer uma coisa dessa, poder circular essa literatura que eu faço com Luciana Palmeira sobre a importância da literatura preta infanto-juvenil, pois a identidade e representatividade importam. Melhor ainda poder ir com o Bonde da Calu fazendo apresentação de espetáculos infanto-juvenil que trabalham com as infâncias negras”, comemora Cássia.
“Eu brinco que o Bando da Calu é o filho caçula do Bando de Teatro Olodum. Esse é o grande desejo do bonde. Assim como o bando trouxe o protagonismo negro do ator negro em cena, agora nós queremos falar das infâncias negras e das crianças negras em cena”, conta a autora, que interpreta Mãe Raimunda no filme “Ó Paí, Ó”.
Programação – Na segunda-feira (13), o Circuito Letras Pretinhas estará na Biblioteca Paulo Freire, em Itacaranha, das 9h às 11h, com oficina de musicalização, oficina de escrita criativa e leitura dramática. Na quinta-feira (16), das 14h às 16h, o projeto ocorre na Escola Comunitária Santo Antônio, em Periperi, com oficina de musicalização, oficina de escrita criativa e Bailinho da Aziza.
No dia 20, das 9h às 11h, o projeto estará no Acervinho (Arcevo da Laje), no bairro de Plataforma, com oficina de musicalização, escrita criativa e leitura dramática. No dia 23, das 14h às 16h, quem recebe o projeto é a Creche Escola e Orfanato Mãe Nildete, situada em Vista Alegre. No dia 30, ocorre o encerramento do circuito com o Sarauzinho da Calu, no Subúrbio 360, em Coutos.
* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou que contenham palavras ofensivas.