Quarta, 24 de Julho de 2024
26°

Tempo limpo

Salvador, BA

Minha Salvador #Viva Salvador:

Movimento Boca de Brasa segue com inauguração de novos polos e seleção de propostas para aceleração

A Associação Conexões Criativas foi a Organização da Sociedade Civil selecionada pelo edital Polos Criativos Boca de Brasa para realizar o Programa de Aceleração de Iniciativas Culturais e Criativas deste ano, em parceria com a FGM e a Semdec.

12/04/2024 às 21h18
Por: Miquel Souzza Fonte: Assessoria de Comunicação.
Compartilhe:
Reprodução / Imprensa. - Bruno Concha / Secom PMS
Reprodução / Imprensa. - Bruno Concha / Secom PMS
O Movimento Boca de Brasa chega ao ano de 2024 com dois focos: a inauguração de novos polos criativos, bem como o início das atividades nesses locais, e o lançamento do programa de Aceleração de Iniciativas Culturais e Criativas, contribuindo para o desenvolvimento e consolidação de iniciativas artístico-culturais que já passaram por edições anteriores do programa.
Os Polos Criativos Boca de Brasa são espaços territoriais, administrados pela Fundação Gregório de Mattos (FGM), em parceria com a Secretaria Municipal de Desenvolvimento Econômico, Emprego e Renda (Semdec), que oferecem uma variedade de atividades formativas, de produção, articulação, difusão, circulação e fruição artística e cultural.
“A gente está com uma expectativa muito positiva, porque esse ano é um ano muito especial no qual estaremos começando a operacionalizar mais cinco Bocas de Brasa. Tivemos a inauguração esta semana do Gantois e na próxima semana a inauguração do Malê”, contou Fernando Guerreiro, presidente da FGM.
Este mês, dois pólos estão sendo inaugurados e outros quatro devem ser inaugurados ainda este ano em diferentes pontos de Salvador, fomentando a realização de atividades artísticas e culturais na cidade. No último dia 2, a Escola Boca de Brasa ICEAFRO Polo Barra-Pituba foi inaugurada no Centro Cultural Mãe Carmen de Gantois, no bairro da Federação.
O evento de inauguração contou com a presença do presidente Fernando Guerreiro, da coordenadora-geral da Escola Criativa Boca de Brasa ICEAFRO, Fabíola Aquino, e de arte-educadores e músicos, que se apresentaram no local. Na ocasião, Val Soriano, atriz baiana que faz parte do elenco de “No Rancho Fundo”, próxima novela a ser exibida no horário das 18h na Rede Globo, também esteve presente e revelou ser fruto das ações do então projeto Boca de Brasa, em 1980. Ela é a diretora artística da iniciativa no Gantois.
Na próxima quarta-feira (10), às 15h, será inaugurada a Escola Criativa Boca de Brasa ICEAFRO Polo Itapuã, na sede do bloco afro Malê Debalê do bairro. A inauguração terá a apresentação de Dança Afro do Rei e Rainha do Malezinho, Kailla Louise e Ivan Lucas Cardoso, além da participação do grupo de dança Malê Transição, apresentação de Naira Da Hora, atriz do Bando de Teatro Olodum, e encerramento com o DJ Branco.
“A escola criativa do Malê é um espaço muito importante, porque abrange toda a região de Itapuã, Mussurunga, Abaeté, Stella Maris e Alto do Coqueirinho e é dentro de uma sede de um bloco afro, o que tem uma importância identitária muito grande, pois nós temos esse projeto de transformar essas sedes desses blocos, que são espaços maravilhosos, em Bocas de Brasa, ampliando a potência. Os blocos acabam desenvolvendo um trabalho o ano inteiro muito ligado ao social e ao cultural”, opina Guerreiro.
As atividades artísticas e culturais do polo Barra-Pituba já estão com cronograma definido e algumas já tiveram início. No local, haverá formações em audiovisual e fotografia, gastronomia, música percussiva, sonorização e contrarregragem. Os cursos oferecidos são destinados a jovens e adultos interessados no campo da cultura e da economia criativa.
Até o final do ano, estão previstas as inaugurações dos polos na Escola Municipal Clériston Andrade, em São Marcos; na Escola Municipal Nossa Senhora dos Anjos, em Brotas; na Organização de Auxílio Fraterno, na Liberdade, e na Fábrica Cultural, na Ribeira.
Programa de aceleração – Até o próximo domingo (14), estão abertas as inscrições para iniciativas artístico-culturais, individuais ou coletivas, que já tenham participado de atividades formativas oferecidas pelo Boca de Brasa entre os anos de 2013 e 2023 e que sejam vinculadas às regiões de Cajazeiras, Centro/Brotas, Cidade Baixa, Subúrbio/Ilhas e Valéria. A seleção faz parte do Programa de Aceleração de Iniciativas Culturais e Criativas, segunda frente do Programa Boca de Brasa, com foco no estímulo e no fortalecimento das artes e da cultura nas suas diversas formas de expressão.
Além disso, o Programa de Aceleração Boca de Brasa visa promover o fortalecimento de vínculos com os territórios de origem das propostas, selecionando propostas que contem com a participação de moradores desses locais, seja como agentes, público-alvo, temática abordada ou pela realização das atividades.
Quinze propostas selecionadas irão cumprir um percurso de capacitação de maio a dezembro de 2024, recebendo um total de R$ 30 mil para custeio de participação e execução de seus planos, contabilizando um investimento público direto total de R$450 mil. O programa envolve atividades de diagnóstico, planejamento, capacitações, mentorias e apresentações das propostas contempladas.
O objetivo é capacitar as iniciativas artístico-culturais selecionadas, auxiliando na identificação de suas características, nos modos de atuação, fragilidades e potencialidades, para elaborar, colaborativamente, caminhos para oportunidades, parcerias e estratégias de sustentabilidade.
Cada iniciativa selecionada receberá uma Bolsa Estímulo no valor de R$ 10 mil, para custear despesas relacionadas à participação de seus integrantes nas atividades do programa, bem como um Capital Semente, no valor de R$ 20 mil, para a execução do plano de ação a ser desenvolvido durante o processo. Para o recebimento do capital semente, será necessário cumprir com assiduidade e comprometimento as demandas de trabalho do Programa, numa dedicação média de 20 horas semanais.
* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou que contenham palavras ofensivas.